O efeito do aspartame como parte de um programa multidisciplinar de controlo de peso a curto e longo prazo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Autor(es): Blackburn GL, Kanders BS, Lavin PT, Keller SD and Whatley J
Nome da Publicação : American Journal of Clinical Nutrition, 1997; 65: 409-418
Ano de publicação : 1997

Sumário

Este estudo investigou se a adição do adoçantes de alta intensidade ao aspartame num programa multidisciplinar de controlo e gestão de peso, melhoraria a perda de peso e o controlo do peso corporal no longo prazo. Cento e sessenta e três mulheres obesas foram aleatoriamente escolhidas para consumir ou absterem-se de alimentos e bebidas adoçadas com aspartame durante 16 semanas de um programa de redução de peso com a duração de 19 semanas (perda de peso ativa), um programa de manutenção de 1 ano e um período de acompanhamento de 2 anos. As mulheres em ambos os grupos de tratamento perderam aproximadamente 10% do peso corporal inicial (10 kg) durante a perda de peso ativa. Entre as mulheres do grupo de tratamento com aspartame, a ingestão de aspartame foi correlacionada positivamente com a percentagem de perda de peso durante a perda de peso ativa (r = 0,32, P & lt; 0,01). Durante a manutenção e o acompanhamento, os participantes no grupo do aspartame apresentaram uma recuperação de 2,6% (2,6 kg) e 4,6% (4,6 kg) do peso corporal inicial após 71 e 175 semanas, respetivamente, enquanto que o grupo sem aspartame obteve uma média de 5,4% (5,4 kg) e 9,4% (9,4 kg), respetivamente. O grupo do aspartame perdeu significativamente mais peso em geral (P = 0,028) e recuperou significativamente menos peso durante a manutenção e seguimento (P = 0,046), do que o grupo não-aspartame. As perdas de peso percentuais a 71 e 175 semanas também foram positivamente correlacionadas com o exercício (r = 0,32, P & lt; 0,001; r = 0,34, P & lt; 0,01, respetivamente) e controlo alimentar auto-relatado (r = 0,37, P & lt; 0,001 e r = 0,33, P & lt; 0,01, respetivamente). Estes dados sugerem que a participação num programa multidisciplinar de controlo de peso que inclui aspartame, pode facilitar a manutenção e gestão do decréscimo do peso corporal a longo prazo.

Ver o documento completo